Pesca de Espada

O violento espada tem esse nome por causa de sua forma, cor prateada e seus poderosos e cortantes dentes. Habita todo o litoral brasileiro e é mais encontrado dentro ou perto de baías, atinge até 2 metros de tamanho, chega a pesar mais de 4 kilos e pode ser pescado o ano inteiro.

Um bravo do mar, é uma pesca emocionante e exige técnica e habilidade do pescador. Devido aos seus dentes afiados ele rompe facilmente qualquer linha, obrigando o uso de chicotes de aço e material de pesca médio/pesado.

Uma linha 0,40, bóia luminosa, sardinhas inteiras transpassadas por um arame de aço com garatéia são uma ótima pedida. Sua incidência é mais frequente à noite, quando a bóia luminosa irá fazer a diferença. Atenção quando recolher a linha da água, pois o espada costuma perseguir a isca até os últimos metros de linha antes de atacar, e depois da briga jamais coloque sua mão perto da boca deste voraz brigador, use sempre alicate e pegador.

A pescaria vale pela emoção e pela saborosa carne, que servida assada com molho de camarão é um manjar dos adoradores de peixes. Lembre-se de matar só o que vai comer, sempre solte os filhotes para que as gerações futuras também possam sentir a emoção de fisgar um dos melhores brigadores do mar